Checklist (raio-x) para você descobrir se a sua empresa digital está regularizada

  • Fênix consultoria

Saber se sua empresa digital está regularizada é extremamente importante para o empreendedor que atua nessa área, tão concorrida e com tantas brechas para que haja um problema na parte formal e contábil desse tipo de empresa. 

Alguns profissionais começam atuando de maneira mais informal, geralmente utilizando a pessoa física e, ao notar um crescimento do faturamento, percebem que é hora de partir para o CNPJ. Mas, nem sempre isso é feito de forma correta, normalmente por desconhecimento de como o processo funciona como um todo. 

No texto de hoje, vamos fazer um checklist e um raio-x completo para que você descubra se realmente a sua empresa digital está regularizada. Veja abaixo! 

 

Veja os pontos que indicam que sua empresa digital está regularizada

 

Para facilitar o entendimento por parte de quem ainda é leigo na área contábil ou está começando a empreender de maneira mais formal agora, fizemos um checklist que pode ajudar a elucidar melhor se sua empresa está ou não regularizada conforme a lei determina. Vamos lá!

 

1- Você já tem um CNPJ

 

O primeiro passo para regularizar uma empresa é abrir um CNPJ. Sem dúvidas, esse é o pontapé inicial para começar a empreender em qualquer área, inclusive quando falamos em negócios digitais. Caso você já tenha um CNPJ ativo, podemos dizer que isso indica que há uma formalização da sua empresa - embora, vamos ver mais pra frente, isso nem sempre signifique que você não precisa regularizar outras detalhes da empresa. 

Agora, se você não tem um CNPJ, não existe uma empresa. Mas, calme! Muitas vezes, não ter o CNPJ é melhor do que ter uma empresa aberta de maneira errada. O contador especializado 

 

2- Você se enquadrou com a Cnaes correta

 

Se você abriu o seu CNPJ e se enquadrou com a Cnaes, Classificação Nacional de Atividades Econômicas, de maneira correta, então a sua empresa digital está regularizada nesse ponto. 

A Cnae, como dissemos acima, é a Classificação Nacional de Atividades Econômicas. E o que isso significa? Por exemplo, você deve se enquadrar conforme sua atividade - se é produtora, afiliado, etc. Em alguns casos de enquadramento, o MEI não é permitido, o que tornaria sua empresa irregular, mesmo que pagando o MEI corretamente todos os meses. 

O ideal nesses casos sempre é procurar o melhor enquadramento tributário de acordo com a perspectiva de faturamento e o contador especializado em negócios digitais fará isso de forma rápida e simples, deixando sua empresa regularizada em poucos dias. 

Nem sempre é fácil determinar a sua Cnae, especialmente no caso de pessoas que ainda têm pouca experiência com empreendedorismo. Mas não se preocupe, a contabilidade te ajuda a consertar erros de enquadramento, impedindo até mesmo as multas que derivam desse tipo de problema. 

 

3- Se sua empresa já possui integração de notas fiscais junto ao sistema

 

Outro ponto importante é procurar saber se sua empresa digital está regularizada no que diz respeito às notas fiscais. Como sabemos, a Receita Federal hoje em dia utiliza sistemas automatizados que conseguem traçar o caminho dos seus rendimentos e ver se há algum tipo de emissão irregular de notas. O ideal é sempre evitar que passe uma venda acobertada para que as multas não aconteçam. 

O sistema utilizado deve ser devidamente integrado às notas fiscais e, mais uma vez, o contador especializado pode te ajudar a fazer isso corretamente. 

 

4- Se sua empresa está regularizada na prefeitura

 

Toda empresa que trabalha com um comércio local, mesmo que ela seja basicamente digital, deve passar pela regularização da prefeitura. Isso vale até quando não há vendas in loco, afinal, se sua empresa está aberta, a prefeitura precisa validar e garantir que o funcionamento esteja regular. Então, caso você ainda não tenha pedido uma autorização na prefeitura da sua cidade, é importante fazer isso o quanto antes para que haja a devida regularização. 

 

5- Se sua empresa não tem certidões negativas

 

Vale dizer que algumas certidões vencem a cada 30 dias e muitos empreendedores simplesmente esquecer de fazer essa checagem, justamente porque não contam com o apoio de uma contabilidade mais especializada e que esteja sempre de olho nos prazos para que a empresa não perca nenhum deles. 

Então, vale a pena entrar no site da Receita Federal e fazer um checkup em todas as certidões, como a Certidão de Débitos Relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União, por exemplo. 

 

Como podemos te ajudar?

 

A Fênix Contabilidade é especializada em negócios digitais. Trabalhamos com todo o processo de regularização da sua empresa digital, desde o contrato social, a regularização do CNPJ, receita estadual e validação junto à prefeitura local. 

É extremamente necessário ter uma contabilidade especializada para não incorra riscos de fiscalização, enquadramento errôneo das atividades e até mesmo multas por agir de maneira indevida. Hoje temos os fiscos trabalhando de forma bastante automatizada, o que torna muito mais fácil a detecção de problemas desse tipo - mesmo sem má-fé por parte do empreendedor, há um risco grande de que sua empresa fique irregular e precise pagar multas para conseguir atuar novamente. 

 

Gostou das dicas que separamos hoje? Baixe nosso e-book exclusivo e tenha acesso a muito mais dicas para quem quer abrir um negócio digital e fazer com que ele fique totalmente em dia com os fiscos. Lembre-se de que esse é o primeiro passo para que você consiga sucesso na área! 

 

Baixe agora! 




Comentários
Envie um comentário